Cunha: “Joesley, além de mentiroso, era covarde e mau caráter. É inadmissível que não se tenha cancelado sua delação, responsabilizando-o pelos seus crimes”

Trecho da entrevista de Eduard Cunha à Folha de  S. Paulo:

O sr., sua família ou seus advogados receberam pagamentos de Joesley? Nem eu, nem a minha família e nem qualquer advogado recebeu qualquer coisa. Joesley, além de mentiroso, era covarde e mau caráter. É inadmissível que não se tenha cancelado sua delação, responsabilizando-o pelos seus crimes, e ainda que se permita que ele comande o império que ele formou às custas de sei lá que forma. O dinheiro dele comprou a impunidade.

Print Friendly, PDF & Email
error: