Frigorífico tem contaminação em massa de Covid-19 em trabalhadores e justiça interdita unidade da JBS em RO

G1

O frigorífico JBS de São Miguel do Guaporé (RO) foi interditado pela justiça por causa de contaminação em massa de Covid-19 entre os trabalhadores, denunciada pelo Ministério Público de Rondônia (MP-RO) e Ministério Público do Trabalho. Cerca de 30 funcionários da unidade foram infectados pelo coronavírus apenas nesta semana e outros 40 estão com sintomas. A JBS diz seguir os protocolos de segurança.

A Promotoria de Justiça de São Miguel do Guaporé e a Procuradoria do Trabalho no Município de Ji-Paraná (RO) entraram na terça-feira (26) com uma ação civil para pedir, de forma urgente, a suspensão das atividades frigoríficas. Nesta quarta-feira (27), a Justiça do Trabalho determinou a suspensão imediata das atividades.

O que se sabe até agora:

  • Mais de 25 funcionários foram diagnosticados com Covid-19 apenas na segunda-feira (25);
  • Outros 40 funcionários estão com sintomas do coronavírus;
  • Um funcionário da unidade JBS morreu com Covid;
  • Os trabalhadores culpam a falta de EPI’s e aglomeração no frigorífico;
  • O MPT acredita que vários funcionários podem estar contaminados, pois usam o mesmo vestiário e a mesma porta de saída no frigorífico;

Com os casos confirmados, MP e MPT entraram na justiça pedindo a suspensão imediata das atividades das empresas por até 14 dias ou até que a demandada comprove ter cumprido todas as providências recomendadas, como forma de garantir a saúde dos trabalhadores.

Print Friendly, PDF & Email
error: