Radar: Doleiro vai aos EUA delatar Joesley, perde o voo e processa companhia

Radar

Delator da Operação Lava-Jato, o doleiro Lucio Funaro decidiu processar a United Airlines por ter atrasado um voo e tê-lo feito perder a viagem de volta ao Brasil em dezembro de 2019, quando foi aos Estados Unidos delatar Joesley Batista ao Departamento de Justiça.

Funaro cobra 41.000 reais de indenização da companhia porque precisou gastar cerca de 30.000 reais na ocasião para comprar outra passagem, de última hora, para poder retornar ao Brasil. É que ele estava preso e sua licença para viajar iria vencer no dia seguinte. Se não retornasse ao Brasil, poderia desrespeitar uma ordem judicial.

Print Friendly, PDF & Email
error: